Home / Artigos / De onde vem a nossa força?

De onde vem a nossa força?

De onde vem nossa força

SOMOS REALMENTE FRACOS COMO PENSAMOS? QUAL É O NOSSO LIMITE?

Todas essas perguntas recaem sobre nossos pensamentos em algum momento de nossas vidas. Nos momentos em que tudo parece difícil, complicado, sem saída, chegamos a pensar em desistir e muitas vezes até questionamos a Deus o porquê Dele nos deixar passar por tão grande tribulação, as vezes os momentos ruins duram meses e até anos.

A questão é que o sofrimento existe e recai sobre todos, como as chuvas vem para justos e injustos, ou seja, tudo nessa vida acontece para bons e maus.

É difícil de compreender como o Deus de misericórdia e bondade, capaz de dar seu único filho como sacrifício vivo por nós é capaz de nos deixar passar tantas tribulações em nossas vidas. Quem ainda não se pegou questionando sobre isso, ou mesmo, ficou triste com Deus por causa de suas infindáveis lutas? Na verdade, não compreendemos muitas coisas, e tudo se torna pior quando estamos no olho do furacão onde ficamos impedidos de enxergar com clareza.

Por vezes me peguei tentando compreender a mente do Senhor, seus pensamentos, seus porquês. Mas ao mesmo tempo me pergunto: Quem sou eu para querer todas as respostas? Homem nenhum em todos os tempos, por mais consagrados que fossem não tiveram todas as respostas aos seus questionamentos, porém, existe algo comum a todos eles, eles creram!  O socorro sempre vinha, não importava o quanto difícil ou impossível era a situação, o livramento sempre vinha e vinha da parte de Deus!

Em alguns casos não necessariamente a solução total do problema, mas um escape, um livramento, uma força que enviada do alto que emergia em cada um colocando-os de pé novamente para lutar e caminhar até chegarem aquele momento especial em suas vidas, o tempo de Deus que tanto esperavam.

Em Colossenses 3.2 diz assim: “Pensai nas coisas lá do alto, não nas que são aqui da terra”.

Os nossos olhos devem estar focados, não na nossa vontade, mas na vontade do Senhor, em seus princípios e na direção que nos está sendo dada no momento. Nossa tendência é sempre voltar nossos olhos para as circunstancias que nos cercam.

A Bíblia diz que somos responsáveis pelo que pensamos e como pensamos, portanto se estamos passando todo nosso dia afligidos com as circunstancias estamos desobedecendo a Deus. Em Efésios 4. 22-24 a Bíblia nos fala assim: “no sentido de que, quanto ao trato passado vos despojeis do velho homem, que se corrompe segundo as concupiscências do engano“

Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo porém, sejam conhecidas, diante de Deus as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento guardará o vosso coração e a vossa mente em Cristo Jesus”.Fl 4.6-7

Podemos sim vencer as dificuldades, ultrapassar nossos limites. Deus pode sim, apesar das lutas, nos fazer forte o suficiente para rompermos todas as barreiras que se levantam impedindo-nos de caminhar, de conquistar aquilo que Ele nos prometeu. Para isso é necessário que aprendamos a pensar do jeito certo, veja o que a Palavra nos diz em Filipenses 4.8-9, Paulo nos fala no que devemos pensar: “ Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento. O que também aprendestes, e recebestes, e ouvistes, e vistes em mim, isso praticai; e o Deus da paz será convosco”.

Quando nos entregamos ao Senhorio de Jesus, passamos a viver no Seu Reino, Ele nos dá uma nova vida, as coisas velhas já não mais determinam nosso andar, nossas escolhas e atitudes. Nos tornamos novas criaturas, agora filhos de Deus. Por que às vezes insistimos em buscar no velho baú as lembranças tristes e amarguradas de nossas vidas sem Deus?

A Palavra nos ensina em Romanos 12.2, que não devemos nos conformar com esse século, mas transformar -nos pela renovação da nossa mente para que experimentemos a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.

Precisamos nos desprender do velho homem e assumirmos nossa nova vida no Reino do Senhor. O Reino tem princípios e valores que precisamos aprender. É o exercício do desaprender para aprender de novo. Deus tem nossas vidas escritas antes mesmo do nosso nascimento (Salmo 139). Ela está lá, pronta para ser vivida e não é com certeza um caminho de derrotas, mas de aprendizagem e benção. O mundo nos oferece muitas escolhas, mas só uma é a acertada e esta é a que está dentro da vontade do Pai.

O nosso pior inimigo é com certeza nossa própria concupiscência, nossa carne. Não é fácil nos desprender daquilo que nos dá prazer e alimenta a vontade da nossa carne. Nem tudo que nos agrada é necessariamente bom para nós. (Tudo me é licito, porém nem tudo me convém, todas as coisas me são lícitas, mas eu não me deixarei dominar por nenhuma delas 1Coríntios 6:12).

Muitos dos nossos problemas, que tantas vezes queremos achar um culpado, são na verdade fruto de nossas próprias escolhas erradas, fruto da nossa ignorância da Palavra de Deus e na resistência em obedecê-la. É necessário que nossa auto suficiência seja quebrada. Podemos conseguir muitas coisas materiais sem Deus, mas nunca sermos felizes de verdade e termos a paz que precisamos.

A realidade é que não somos fracos e incapazes como pensamos, podemos ter dentro de nós, através de uma simples escolha de entregar nossa vida ao senhorio de JESUS CRISTO, o Espírito Santo, que é a nossa força nas horas mais difíceis. Na verdade é Ele a força que nos faz louvar em meio a dor e as lágrimas que passamos nessa vida. É a força de Deus em nós que nos faz romper nossos “limites humanos” e continuar a caminhar. Os nossos limites estão em Deus, é Ele quem determina até onde vamos. Nosso Pai nunca exigirá de nós aquilo que não temos condições de fazer ou suportar. O apostolo Paulo nos fala em Filipenses 4.11-13 “digo isso não por causa da pobreza, porque aprendi a viver contente em toda e qualquer situação. Tanto sei estar humilhado como também ser honrado; de tudo e em todas as circunstâncias, já tenho experiência, tanto de fartura como de fome; assim de abundância como escassez; TUDO POSSO NAQUELE QUE ME FORTALECE”.

Deus nos faz romper nossos limites e nos tornar pessoas melhores, mais sábios, lapidados como são as lindas pedras preciosas que ao serem encontradas estão sujas e sem brilho, mas depois de trabalhadas e cuidadas reluzem todo o seu brilho, fazendo com que sejam preciosas aos nossos olhos. Quanto mais lapidados somos mais preciosos nos tornamos para Deus e ficamos assim cada vez mais fortes, superando a nós mesmos. Você é mais forte do que pensa!

Erika Bernardina Condé

Sobre Érika Condé

Érika Condé

Veja também

Sem Título-1

Como nascem os valentes

1 Samuel 22, 1-2 Introdução: Em cena temos uma imagem emblemática, um ícone, um herói. ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>